TEXTO
TEXTO
+ -

Olá, seja bem vindo!

Esqueceu a senha? Clique aqui.

Baixe o nosso app:

Projeto de inovação tecnológica do curso de Enfermagem promove orientações para prevenção do pé diabético

Iniciativa partiu de um projeto de extensão utilizando o lúdico nas atividades de prevenção do pé diabético por meio de um brinquedo terapêutico capacitador das funções fisiológicas

26/02/2021 às 10h08

O aplicativo tem o objetivo de auxiliar pacientes portadores de diabetes mellitus com ênfase no pé diabético, que é na maioria das vezes ocasionada pela neuropatia diabética - perda da sensibilidade protetora. A iniciativa partiu de um projeto de extensão no curso de Enfermagem da Faculdade Cesmac do Sertão, utilizando o lúdico nas atividades de prevenção do pé diabético por meio de um brinquedo terapêutico capacitador das funções fisiológicas.
O diabetes mellitus (DM) é uma doença crônica não transmissível considerada um problema de saúde pública. Sendo a neuropatia diabética uma das mais comuns complicações do DM, os pés se apresentam mais vulneráveis ao aparecimento de lesões, estas são denominadas pé diabético, elas aumentam o risco de amputações não traumáticas e estudos mostram que 50% delas podem ser evitadas com atividades de educação em saúde.
Dessa forma, o Projeto financiado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) “Desenvolvimento de um aplicativo móvel como ferramenta de orientação para cuidados e prevenção do pé diabético” levou ao desenvolvimento de um aplicativo móvel como ferramenta de orientação para cuidados e prevenção do pé diabético. O aplicativo foi construído utilizando-se se a metodologia de engenharia de software Extreme Programming em parceria com o Núcleo de Robótica do CESMAC.

A equipe de pesquisadores é composta por pela Orientadora do projeto - Profa. Dra. Daniele Cristina de Oliveira Lima e pelos Co-orientadores - Mozart de Melo Alves Junior, Yolanda Karla Cupertino Nunes, Evanio da Silva e Romildo Armindo da Silva e Cristóvão Luiz Teles Farias. Tem ainda os acadêmicos João Paulo do Nascimento Cordeiro (bolsista) e Clezia de Souza Silva.
Acadêmico João Paulo do Nascimento Cordeiro
“No início eu pensava que seria muito difícil criar o aplicativo para prevenção do pé diabético, mas a equipe do Núcleo de Robótica e do curso de Enfermagem da Faculdade Cesmac do Sertão mostraram o quanto é possível. Foi árduo processo de pesquisa, descobertas e detalhes que definimos para melhor poder ajudar aos usuários portadores do pé diabético. Durante a vigência do projeto conseguimos desenvolver o app e logo após o registramos no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) e publicamos na Play Store, espero que o aplicativo ajude a prevenir as amputações ocasionadas pelo pé diabético. Foi uma experiência incrível para mim como acadêmico de enfermagem e como pessoa”, relata João Paulo.
Outras orientações e conhecimentos sobre cuidados e prevenção do pé diabético podem ser conferidas nos vídeos e postagens do Instagram do projeto @app.pediabetico.   O aplicativo pode ser baixado na loja da Play Store no link: https://bit.ly/3dQ1TNw
Acesse o link e confira o Registro no INPI: Certificado de Registro de Programa de Computador no INPI